RSS

24 de julho de 2011

Mais uma vez

Já tentei emagrecer, como muitas mulheres, sinceramente, estava satisfeita com o meu peso. Comecei o blog, pois estava apaixonada por um cara, e queria ser aceita por ele (dói dizer isso). Percebi que se eu não me aceitar e me colocar diante do mundo, não serei aceita por ninguém. Estou em um momento ótimo da minha vida, emprego andando como eu sempre sonhei, sou reconhecida no que faço (claro q isso não é a coisa mais importante, mas faz um bem danado..rs...). Saindo da minha visão narcisica sobre o peso, enxerguei que tem vários caras legais que adoram uma gordinha. Descobri minha sexualidade, sou mais mulher hoje do que quando era magrinha. Estou fazendo pós na PUC (quando entrei lá e vi, chorei!!! Sim fui invadida por um sentimento que tocou bem fundo). Sofri preconceito, um preconceito mudo, indiferente. Agora não sei se era por estar gorda, por não ter uma PRADA ou Louis Vuitton, por não ter morado um período no exterior, por ser pobre ou por não ter estudado  na USP ou na PUC ou por não usar roupas de marcas famosas. Na convivência conheci pessoas maravilhosas que me tratava com igualdade, mesmo com todas as nossas diferenças, o grupo ficou maior, ficamos super amigas e o pessoal com preconceito ficou isolado e começaram a me tratar melhor, desculpe, não sou tão boazinha, agora eu que ignoro. Não por despeito, mas por não querer gastar o meu  tempo com quem não vale.


Então porque voltar com o BLOG??? Fui ao médico e tive uma consulta de duas horas, sabe, fiz 30 anos (idade maravilhosa) e estou sentindo o meu joelho, daqui uns sete anos se não emagrecer precisarei de uma prótese, fila de espera por ela 7 anos. Por comer porcaria o dia inteiro, estou com anemia, cálcio baixo e magnésio baixo. Trigricérides altíssimo. Tireóide ruim. Começo de diabetes. Enfim, se quero continuar minha vida que amo tanto, tenho que emagrecer. Comecei a minha dieta pra emagrecer a uma semana. Se não conseguir emagrecer em 6 meses, o médico fará redução de estômago pelos riscos que tenho. Perdi 4 quilos,

mas confesso, por não fazer dieta a um bom tempo. (Aliás nunca consegui fazer direito) Estou com medo de operar.

7 borboletas, comentaram!:

Vivi recomeçando, reaprendendo e blogando! disse...

Nossa sua história é linda!! Superação!!
Lembro de vc!!!
E sinceramente? acredito que vc pode sim emagrecer sem fazer redução!!
Conte comigo linda!!

Anônimo disse...

Olá, me identifiquei muito com vc em várias coisas que escreveu. Sinto essa necessidade de ser aceita, acolhida. Comecei o blog por causa de um cara que ficava colocando defeitos em mim e separava, voltava...acabou, fiz mais umas burradas e continuo fazendo outras...rs...estou fazendo dieta porque nenhuma calça me serve e não me aceito assim...não adianta, já fui muito humilhada por uns quilos a mais e agora pela a idade, coisa que sempre foi bem resolvida em mim...acho que criamos pessoas que queremos em cima de alguém que não existe mas acho isso ainda melhor do que viver sem ilusão nenhuma, sem sonhos...e casar sem amor. Prefiro a fantasia já que na realidade ainda não aconteceu mas espero acontecer, o meu grande amor...bjs...

Anônimo disse...

Olá querida, espero que realize os desejos do seu coração. Bjsss

Sammy Leilane disse...

coisa boa ver que a boa filha a casa volta!!! cuide de sua saude menina, estamos aqui pra se cuidar, todas juntas! bjus!!!

Renata Janaína disse...

Que bom que estás de volta, seja bem-vinda!!!!
Bem, sou suspeita pra falar, mas sei que sem a cirurgia eu não teria emagrecido, nunca consegui levar uma dieta até o fim, era realmente difícil emagrecer, não faço apologia a redução, mas pra mim foi a melhor coisa que poderia ter feito, tente mais uma vez uma RA, se não conseguir pense bem a respeito da redução, acho que cada caso é um caso.
No que eu puder te ajudar, conte comigo!!!!
Beijos.

Um brasileiro disse...

oi menina. tudo blz? estive aqui. legal. apareça por la. abraços.

Cristiane disse...

Olá!
Obrigada pela visita e comentário, vim conhecer te e dizer que pode contar comigo...
Redução é complicado mas se for o caso também enfrente pois sei que Deus sempre estará contigo!Saúde em primeiro lugar né verdade?!
Abraço